Domingo XXXIII do Tempo Comum | Ano C
Antífona de Entrada
Salmo Responsorial
Antífona de Comunhão
Pós-Comunhão
Dia Mundial dos Pobres
Antífona de Entrada

Os meus pensamentos são de paz e não de desgraça, diz o Senhor.
Invocar-Me-eis e atenderei o vosso clamor,
e farei regressar os vossos cativos de todos os lugares da terra.
Jr 29, 11-12.14
 

• Os meus pensamentos – Ar. Oliveira (IAC, p. 420)
• Os meus pensamentos – G. Gomes (Organum, 8)
• Os meus pensamentos – S. Pinto (Organum, 2)

[Outras Sugestões]

• Chegue até vós, Senhor – F. Santos (BML, 52 | CEC II, p. 142-143 | NCT, 213)
• Chegue até vós, Senhor – N. Fileno (OCL)
• Como a chuva sobre a relva – F. Santos (BML, 18)
• Deus fala de paz – F. Santos (BML, 77 | CEC II, p. 156 | CN, 359)
• Deus vive na sua morada santa – F. Santos (BML, 47 | CEC II, p. 83-85 | IC, p. 427-428 | NCT, 216 | NRMS, 38 | CN, 362)
• Deus vive na sua morada santa – I. Rodrigues (CN, p. 363)
Leitura I

Mal 3, 19-20a
«Para vós nascerá o sol de justiça»
O profeta anuncia o “Dia do Senhor”, expressão que na Bíblia significa uma intervenção especial de Deus, por vezes de castigo, mas sempre em ordem à salvação. Nesta leitura, o Dia do Senhor apresenta-se como dia de castigo, “ardente como uma fornalha”, para os ímpios; mas para os justos, para os que temem o nome do Senhor, esse dia verá brilhar o “Sol da Justiça”, que traz “a salvação nos seus raios”. O “Sol da Justiça” é finalmente Jesus Cristo.

Leitura da Profecia de Malaquias
Há-de vir o dia do Senhor, ardente como uma fornalha; e serão como a palha todos os soberbos e malfeitores. O dia que há-de vir os abrasará – diz o Senhor do Universo – e não lhes deixará raiz nem ramos. Mas para vós que temeis o meu nome, nascerá o sol de justiça, trazendo nos seus raios a salvação.
Palavra do Senhor.

Salmo Responsorial

Salmo 97 (98), 5-9 (R. cf. 9)

O Senhor virá governar com justiça.

Ou: O Senhor julgará o mundo com justiça. 

Cantai ao Senhor ao som da cítara,
ao som da cítara e da lira;
ao som da tuba e da trombeta,
aclamai o Senhor, nosso Rei. 

Ressoe o mar e tudo o que ele encerra,
a terra inteira e tudo o que nela habita;
aplaudam os rios
e as montanhas exultem de alegria. 

Diante do Senhor que vem,
que vem para julgar a terra;
julgará o mundo com justiça
e os povos com equidade. 

• O Senhor julgará o mundo – Ar. Oliveira (IAC, p. 390 | LS-C, p. 265)
• O Senhor virá governar com justiça – Az. Oliveira (SRAO C, p. 170-171)
• O Senhor virá governar com justiça – M. Carneiro (SRMC C, p. 146-147)
• O Senhor virá governar com justiça – M. Luís (SRML, p. 328-329 | LS-C, p. 264)
Leitura II

2 Tes 3, 7-12
«Quem não quer trabalhar, também não deve comer»
A consciência que os cristãos têm do fim dos tempos e da vida futura em nada os deve afastar de olharem para esta vida com interesse, entregando-se ao trabalho de cada dia, porque continua a ser verdade que cada um há-de comer o pão com o suor do seu rosto. Os Tessalonicenses, julgando próxima a vinda do Senhor, não estavam a entender isto muito bem.

Leitura da Segunda Epístola do apóstolo São Paulo aos Tessalonicenses
Irmãos: Vós sabeis como deveis imitar-nos, pois não vivemos entre vós na ociosidade, nem comemos de graça o pão de ninguém. Trabalhámos dia e noite, com esforço e fadiga, para não sermos pesados a nenhum de vós. Não é que não tivéssemos esse direito, mas quisemos ser para vós exemplo a imitar. Quando ainda estávamos convosco, já vos dávamos esta ordem: quem não quer trabalhar, também não deve comer. Ouvimos dizer que alguns de vós vivem na ociosidade, sem fazerem trabalho algum, mas ocupados em futilidades. A esses ordenamos e recomendamos, em nome do Senhor Jesus Cristo, que trabalhem tranquilamente, para ganharem o pão que comem.
Palavra do Senhor.

Aclamação ao Evangelho

V/ Erguei-vos e levantai a cabeça,
porque a vossa libertação está próxima. (Lc 21, 28)
 

Evangelho

Lc 21, 5-19
«Pela vossa perseverança salvareis as vossas almas»
Jesus anuncia a ruína de Jerusalém, e previne os seus discípulos contra os falsos profetas, os falsos rebates com que muitos os pretendiam arrastar. Anuncia-lhes que eles terão certamente muito a sofrer, mas promete-lhes a sua assistência até ao fim e será no fim que se encontrará a plenitude da salvação.

Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo segundo São Lucas
Naquele tempo, comentavam alguns que o templo estava ornado com belas pedras e piedosas ofertas. Jesus disse-lhes: «Dias virão em que, de tudo o que estais a ver, não ficará pedra sobre pedra: tudo será destruído». Eles perguntaram-Lhe: «Mestre, quando sucederá isto? Que sinal haverá de que está para acontecer?». Jesus respondeu: «Tende cuidado; não vos deixeis enganar, pois muitos virão em meu nome e dirão: ‘Sou eu’; e ainda: ‘O tempo está próximo’. Não os sigais. Quando ouvirdes falar de guerras e revoltas, não vos alarmeis: é preciso que estas coisas aconteçam primeiro, mas não será logo o fim». Disse-lhes ainda: «Há-de erguer-se povo contra povo e reino contra reino. Haverá grandes terramotos e, em diversos lugares, fomes e epidemias. Haverá fenómenos espantosos e grandes sinais no céu. Mas antes de tudo isto, deitar-vos-ão as mãos e hão-de perseguir-vos, entregando-vos às sinagogas e às prisões, conduzindo-vos à presença de reis e governadores, por causa do meu nome. Assim tereis ocasião de dar testemunho. Tende presente em vossos corações que não deveis preparar a vossa defesa. Eu vos darei língua e sabedoria a que nenhum dos vossos adversários poderá resistir ou contradizer. Sereis entregues até pelos vossos pais, irmãos, parentes e amigos. Causarão a morte a alguns de vós e todos vos odiarão por causa do meu nome; mas nenhum cabelo da vossa cabeça se perderá. Pela vossa perseverança salvareis as vossas almas».
Palavra da salvação.

Antífona de Comunhão

A minha alegria é estar junto de Deus,
buscar no Senhor o meu refúgio.
Sl 72, 28
 

• A minha alegria – Ar. Oliveira
• A minha alegria – M. Carneiro (CVM)

Ou:
Tudo o que pedirdes na oração
vos será concedido, diz o Senhor. 
Cf. Mc 11, 23.24
 

• Tudo o que me pedirdes na oração – Ar. Oliveira (IAC, p. 551)
• Tudo o que pedirdes na oração – C. Silva (CEC II, p. 52 | OC, p. 256 | CN, 976)

[Outras Sugestões]

• Estai preparados – F. Santos (CEC I, p. 11 | ENPL, XIX | CN, 428)
• Estai preparados – V. Pereira, J. J. Ribeiro (ELC, p. 6-7 | CN, 427 | CLS-2ed, 153)
• Estai preparados – Az. Oliveira (NRMS, 128)
• Pela vossa perseverança, salvareis – F. Santos (CP II, p.379)
Pós-Comunhão
• O Senhor virá governar – F. Silva (IC, p. 94 | NRMS, 7)
• Nos dias do Senhor – Az. Oliveira (SRAO A, p. 12-13 | CSS, A-12)
• Nos dias do Senhor – M. Carneiro (IC, p. 87 | NRMS, 52)
• Nos dias do Senhor – F. Santos (BML, 23 | LS-A, p. 13)
• Nos dias do Senhor – M. Luís (SRML, p. 18-19 | LS-A, p. 15)
• O Senhor nos visitará – F. Silva (IC, 92 | NRMS, 64)
• O Senhor virá no esplendor – Az. Oliveira (CEC I, p. 37 | IC, p. 94 | NRMS, 64 | CN, 748)
Dia Mundial dos Pobres
  • O Papa Francisco, por vontade explícita na Carta Apostólica Misericórdia et Misera (20 de Novembro de 2016), instituiu o XXXIII Domingo do Tempo Comum como Dia Mundial dos Pobres, pois, nas suas palavras, o encontro com os pobres que nos rodeiam "será um momento propício para encontrar o Deus que buscamos".
    Assim, propomos alguns cânticos para este dia, que poderão ser usados sobretudo na Apresentação dos Dons ou no Pós Comunhão:

 

Nota 1: Com o cântico “No alto do monte - Az. Oliveira" propomos o uso da 2ª estrofe.

Nota 2: Com o cântico "Santa Maria, Mãe de Deus - M. Simões" propomos o uso da 4ª estrofe.

• Felizes os pobres – M. Luís (SRML, p. 112-113)
• Bem aventurados os pobres em espírito – M. Carneiro (SRMC A, p. 86-87)
• Exulta de alegria – M. Carneiro (IC, p. 447 | NRMS, 21)
• Felizes os pobres – Az. Oliveira (SRAO A, p. 112-113)
• Felizes os pobres – F. Santos (BML, 54)
• Na vossa bondade, Senhor – Az. Oliveira (SRAO C, p. 148-149)
• Na vossa bondade, Senhor – M. Carneiro (SRMC C, p. 124-125)
• Na vossa bondade, Senhor – M. Luís (SRML, p. 316-317)
• No alto do monte – Az. Oliveira (IC, p. 484-485 | NRMS, 102)
• O pobre clamou, o Senhor o ouviu – M. Carneiro (SRMC C, p. 140-141)
• O pobre clamou, o Senhor o ouviu – Az. Oliveira (SRAO C, p. 164-165)
• O pobre clamou, o Senhor o ouviu – M. Luís (SRML)
• O Senhor salvará os pobres – C. Silva (LHC I, p.125 | OC, p.359)
• O Senhor salvará os pobres – Ar. Oliveira
• Os pobres serão saciados – M. Luís (CAC, p.230)
• Procurai, pobres, o Senhor – Az. Oliveira (SRAO C, p. 134-135)
• Procurai, pobres, o Senhor – M. Luís (SRML, p. 304-305)
• Procurai, pobres, o Senhor – F. Santos (BML, 66)
• Procurai, pobres, o Senhor – M. Carneiro (SRMC C, p. 110-111)
• Santa Maria, Mãe de Deus – M. Simões (IC, p. 171 | NCT, 719 | NRMS, 41 | SC I, p. 44-45)
• Vós os que sois pobres – A. Cartageno
[BML] Boletim de Música Litúrgica, Serviço Diocesano de Música Litúrgica, Porto.
[CAC] Pe. Manuel Luís - Cânticos da Assembleia Cristã, Secretariado Nacional de Liturgia, Fátima, 2006.
[CEC I] Cânticos de Entrada e Comunhão, vol. 1, 3.ª ed, Secretariado Nacional de Liturgia, Fátima, 2007.
[CEC II] Cânticos de Entrada e Comunhão, vol. 2, Secretariado Nacional de Liturgia, Fátima, 1999.
[CLS-2ed] As Crianças Louvam o Senhor, Secretariado Nacional de Liturgia, Fátima, 2020.
[CN] Cantoral Nacional para Liturgia, Secretariado Nacional de Liturgia, Fátima, 2019..
[CP II] Con. António Ferreira dos Santos - Canto Perene, vol. 2, Secretariado Diocesano de Liturgia, Porto, 2003.
[CSS] Pe. António Azevedo de Oliveira - Cantai Salmos ao Senhor - Salmos Responsoriais, Secretariado Nacional de Liturgia, Fátima, 2019..
[CVM] Pe. Miguel Carneiro - É Cristo que vive em mim: Cânticos para o tempo comum, Paulus Editora, Lisboa, 2011.
[ELC] Vitor Pereira (arranjos de José Joaquim Ribeiro) - Esta Luz de Cristo, Cânticos para a Liturgia, Paulinas Editora.
[ENPL] Guiões dos Encontros Nacionais de Pastoral Litúrgica, Fátima.
[IAC] Pe. Artur Oliveira - In Aeternum Cantabo, Secretariado Nacional de Liturgia, Fátima, 2021.
[IC] A Igreja Canta, 2.ª ed, Comissão Bracarense de Música Sacra, 2005.
[LHC I] Liturgia das Horas: Edição para Canto, vol. 1, Secretariado Nacional de Liturgia, Fátima, 1997.
[LS-A] Secretariado Nacional de Liturgia - Livro do Salmista - Ano C, Fátima, 2022.
[LS-C] Livro do Salmista - Ano C, Secretariado Nacional de Liturgia, Fátima, 2021.
[NCT] Novo Cantemos Todos, Editorial Missões, Cucujães,1990.
[NRMS] Nova Revista de Música Sacra, Comissão Bracarense de Música Sacra, Braga.
[OC] Con. Carlos da Silva - Orar Cantando, Secretariado Nacional de Liturgia, Fátima, 2001.
[OCL] Pró-manuscrito , publicado pelo site O Canto na Liturgia.
[Organum] Revista do Organista, Associação de Música Sacra de Braga.
[SC I] Pe. Manuel Simões - Salmos e Cânticos, vol. 1, Instituto Nun’Alvres, Caldas da Saúde, 1970.
[SRAO A] Pe. António Azevedo de Oliveira - Salmos Responsoriais: Ano A, Música Sacra, Braga, 1989.
[SRAO C] Pe. António Azevedo de Oliveira - Salmos Responsoriais: Ano C, Música Sacra, Braga, 1991.
[SRMC A] Pe. Miguel Carneiro - Eu Vos Louvarei, Senhor: Salmos Responsoriais – Ano A, Paulus Editora, Lisboa, 2008.
[SRMC C] Pe. Miguel Carneiro - Povo do Senhor, exulta e canta: Salmos Responsoriais – Ano C, Paulus Editora, Lisboa, 2009.
[SRML] Pe. Manuel Luís - Salmos Responsoriais e Aclamações ao Evangelho, Comissão de Liturgia e Música Sacra do Patriarcado de Lisboa, Lisboa, 1997.